segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

De Catarina II a Vladimir Putin

Thierry Meyssan

Desde o início da guerra contra a Síria, em 2011, a Rússia apoia este país face aquilo que ela considera ser uma agressão externa. Enquanto que a imprensa ocidental explica este comportamento por uma solidariedade entre ditaduras, Thierry Meyssan expõe aqui as verdadeiras motivações históricas. Ele observa que a vitória, que também é a de Moscovo, abre um novo período para a cultura ortodoxa na Europa.

JPEG - 33.8 kb

domingo, 10 de dezembro de 2017

Roger Waters: "Israelenses tentarão me matar, não ficaria surpreso"

O músico Roger Waters ofereceu uma entrevista coletiva, em São Paulo, na última sexta-feira (8), para falar sobre os shows que fará no Brasil em outubro de 2018. Embora tenha vindo com tamanha antecipação, uma reportagem do site G1, que acompanhou a entrevista, revelou que Waters pouco comentou sobre as apresentações - ele preferiu conversar sobre as inspirações políticas de seu trabalho, que se refletem tanto em seu último disco, "Is This the Life We Really Want?" (2017), quanto em sua atual turnê, "Us+Them".
Divulgação Time 4 Fun

Relatório de dentro do Avião de passageiros russo MS-21.

Rússia moderniza seus tanques de alta velocidade T-80

Segundo informa uma fonte da fábrica russa Uralvagonzavod, os tanques russos de 43 toneladas e velocidade máxima de 70 km/h vão ser entregues para modernização até o fim de 2017.
Tanque russo T-80
Neste verão, o Ministério da Defesa russo e a Uralvagonzavod fecharam o contrato para modernização dos tanques russos T-80BV segundo dois programas – básico e avançado.

"Você é um ladrão" - Veja como soldados israelenses roubam frutos de um vendedor de frutas palestino e detém homem com síndrome de Down

HEBRON, Palestina - Um vídeo surgiu ontem de soldados israelenses que roubaram frutos de um vendedor de frutas palestino.

O vendedor pode ser ouvido gritando "Você é ladrão" para os soldados do apartheid que roubaram frutas para ele e seus amigos ocupantes comer.

MoD Russo Informa Incidente Com caça F-22 Dos EUA Sobre O Rio Euphates Da Síria

O Ministério da Defesa russo chamou a atenção para a presença da força aérea norte-americana na Síria.

"Um caça americano F-22 impediu ativamente um par de aeronaves russas de ataque Su-25 de realizar uma missão de combate para destruir a fortaleza de Daesh nos subúrbios da cidade de Mayadin no espaço aéreo sobre a margem ocidental do rio Eufrates em novembro 23. A aeronave F-22 disparou disparos de calor e fez manobras permanentes, imitando uma batalha aérea ", disse o Major-General Igor Konashenkov, porta-voz do Ministério da Defesa russo, no sábado.


O Ministério da Defesa comentou as afirmações dos EUA sobre o espaço aéreo da Síria, explicando que a maioria dos encontros entre aviões norte-americanos e russos na Síria na área do Eufrates estava relacionada com as tentativas de Washington de impedir a derrota do Daesh.

Imagens: Exército sírio captura um monte de mísseis anti-tanque do ISIS capazes de destruir todo um batalhão de tanques

BEIRUT, LIBAN (5:40 PM) - Em meio à descoberta, aparentemente sem fim, de armazenamentos ocultos de armas do ISIS em territórios recém-libertados, o exército árabe sírio mais uma vez encontrou outro armazenamento, desta vez encontrando vários estoques grandes de mísseis guiados antitanque - capazes de destruir um batalhão de tanques inteiro.


Brasil é o país mais violento do mundo e tem mais mortes até do que países em guerra

O Brasil teve, no ano passado, o maior número de mortes violentas do mundo. Foram 70,2 mil óbitos, o que equivale a 12,5% do total de registros em todo o planeta. 

O alerta faz parte de um informe divulgado pela entidade Small Arms Survey, referência mundial para a questão da violência armada. Em termos absolutos, a entidade aponta que a situação no Brasil supera a violência em Índia, Síria, Nigéria e Venezuela.

Presidente da Nestlé diz que a água não é um direito básico humano e merece ser privatizada

A Nestlé teve uma longa história de decisões morais questionáveis, eles ganharam uma reputação como uma das empresas mais imorais do mundo.

Isto é devido à sua participação no desmatamento, na manipulação de mães sem educação e suas regras de água engarrafada avaro. 

A Nestlé sofreu um escândalo quando foi revelado que a empresa havia explorado uma primavera natural na Califórnia, estava engarrafando a água e depois vendendo para residentes locais que sofreram a seca.

Tu-95 com capacidade nuclear na 1ª patrulha do Pacífico da Indonésia (VÍDEO)

Relatório do canal de televisão "Zvezda" do uso do MIG-29STM na Síria

ESCALADA ISRAELENSE NA SÍRIA: IMPLORANDO POR GUERRA.

Apesar dos progressos significativos para derrotar os terroristas apoiados pelos EUA na Síria, a resolução de conflitos está longe de ser alcançada – não enquanto Washington e Israel querem guerra e mudança de regime.

Na segunda-feira à noite, pela segunda vez em três dias, um avião de guerra israelense que voava ilegalmente no espaço aéreo libanês disparou vários mísseis no centro militar e centro de pesquisa da Síria, no noroeste de Damasco.

A Agência de Notícias Árabes da Síria (SANA) disse

Do Pacífico Asiático para o Indo-Pacífico: O Novo Grande Jogo, por Pepe Escobar

Pepe Escobar, de Asia Times, in The Vineyard of the Saker

Traduzido pelo Coletivo Vila Vudu

No contexto do Novo Grande Jogo na Eurásia, as Novas Rotas da Seda, conhecidas como Iniciativa Cinturão e Estrada, ICE, integra todos os instrumentos do poder nacional da China – políticos, econômicos, diplomáticos, financeiros, intelectuais e culturais – para modelar a ordem geopolítica/geoeconômica do século 21. 
ICE é o conceito que organiza a política externa da China para o futuro que se pode antever; o coração do qual foi posto em termos de conceito antes até do presidente Xi Jinping, como "a ascensão pacífica da China".

Decisão de Trump sobre Jerusalém pode unir todo o mundo árabe contra os EUA

Patrick Cockburn, The Independent, Londres

13/10/2016: "UNESCO declara Israel 'potência ocupante' em Jerusalém", Washington Times*

Traduzido pelo Coletivo Vila Vudu


Resistente palestino reage com pedras às granadas de gás disparadas pela polícia de Israel

O presidente Trump e o governo de Israel com certeza previram, mas subestimaram, o "dia de fúria" palestina, com protestos de muçulmanos em todos os cantos do mundo, na sequência do 'reconhecimento' de Jerusalém, pelos EUA, como "capital de Israel" e planos de transferir para lá a embaixada dos EUA. Com certeza entendem que a fúria logo se dissipará, porque aliados dos EUA, como os governantes da Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e Egito se darão por satisfeitos com breves protestos formais, e os palestinos são fracos demais para qualquer coisa além de manifestações que nada mudam.