terça-feira, 24 de maio de 2016

O Banco Central da Rússia compra de novo reservas de ouro em abril 2016 com 15,55 toneladas


(23-05-2016) O Banco Central da Rússia somou 6.700.000 onças troy de ouro (208 toneladas) a suas reservas de ouro em 2015. Em abril de 2016, somou de novo 500.000 onças de ouro (15,55 toneladas) e nos meses anteriores de fevereiro e março somou 24,88 toneladas a suas reservas de ouro. Em janeiro, Rússia comprou 700.000 onças (21 toneladas). As reservas de ouro russas aumentaram a um total de 1.477,42 toneladas em abril de 2016.
Compras de reservas de ouro da Rússia em 2015 e janeiro a abril de 2016

O sistema monetário de Bretton Woods permitia aos bancos centrais do mundo intercambiar seus dólares por ouro físico com a Reserva Federal – Fed (o Banco Central dos Estados Unidos). O sistema monetário posterior a Bretton Woods manteve o dólar como moeda de reserva mundial, através da criação do petrodólar. Com o novo sistema monetário – estabelecido de fato em 1971 -, todas as moedas do mundo passavam a um sistema de flutuação livre e respaldavam sua moeda com a capacidade de gerar atividade economica que tinham em sua jurisdição e a qualidade de seu balanço. Os bancos centrais mais importantes do mundo (a Reserva Federal, o Banco Central Europeu – BCE, o Bank of England e o Banco Central da China) possuem o ouro como um componente chave de suas reservas de divisas internacionais para criar confiança em suas moedas.
Como parte do novo sistema monetário e financeiro que se quer criar nos próximos anos ou décadas, se está definindo um novo sistema bipolar entre as áreas de influência do Ocidente (EUA, Europa, etc) e Oriente (China, Rússia, etc). O objetivo das compras de ouro dos bancos centrais é diversificar suas reservas e respaldar seu balanço com o único ativo que não se pode manipular por outro banco central. E talvez também preparar o caminho para a seguinte fase do sistema monetário internacional que responda às estruturas de poder do presente e do futuro, tal como apontávamos recentemente em base ao vídeo do Fórum Econômico Internacional que explicava os três cenários possíveis para o futuro Sistema Monetário Internacional.

Nenhum comentário :

Postar um comentário