terça-feira, 24 de maio de 2016

SAAB oferece entregar o Gripen C/D aos colombianos em 18 meses, e a versão E/F (ou NG) em 2021


GrilindaABREABREFlagrante do “roll-out” do Gripen NG em Linköping, na Suécia

Por Roberto Lopes

Em uma curta nota publicada nesta terça-feira (24.05) pelo site Infodefensa.com, o cientista político Eric Saumeth Cadavid, principal analista civil de assuntos militares colombianos, informa que, em março passado, o Grupo SAAB ofereceu (por escrito) à Força Aérea Colombiana (FAC) dotá-la de caças Gripen C/D no prazo de 18 meses a partir da assinatura do contrato, e de aeronaves da versão Evolution (no Brasil conhecidas como New Generation, ou NG) a partir do ano de 2021.

Saumeth diz que obteve essas informações durante entrevista com o chefe da área de mercado da América Latina do programa Gripen, Bo Torresdedt, e com o chefe de marketing do Gripen para a Colômbia, Henrik Höjer.

Não houve menção de valores.

O encontro dos três aconteceu na cidade sueca de Linköping onde, semana passada, a SAAB apresentou, oficialmente, o primeiro protótipo do Gripen.

A FAC procura, desde 2014, uma aeronave de 4,5ª geração (eletrônica) capaz de atualizar a sua Aviação de Caça, cujos préstimos, hoje, repousam em cerca de 20 jatos israelenses Kfir.

GrilindaKfirscolombianos
Formação de caças israelenses Kfir da Força Aérea Colombiana

A produção do Gripen NG, que já é conhecido nos círculos militares internacionais como Gripen E/F, terá início em 2019. A primeira unidade será entregue à Força Aérea da Suécia, e o 2º exemplar à Força Aérea Brasileira (FAB), que encomendou 36 desses aviões (oito deles, biplace).

Ante os rumores que circularam no roll-out do Gripen, de que a FAB já tem preparada a encomenda de mais dois lotes dessa aeronave, os oficiais brasileiros presentes ao evento preferiram não adiantar qualquer informação.

Plano Brasil

Nenhum comentário :

Postar um comentário