segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Presidente das Filipinas sobre EUA: não gosto quando me dão ordens


O presidente filipino Rodrigo Duterte, comentando suas fortes declarações endereçadas ao presidente norte-americano Barack Obama, disse que não gosta quando alguém lhe dá ordens.
Imagem relacionada
Falando com a agência russa RT, o líder das Filipinas disse: “Se agora na minha frente estivesse um norte-americano, eu lhe diria: você quer que eu lhe agradeça pela ocupação do meu país? Você se aproveitou das dádivas desta terra durante 50 anos. 


Você nos deu a independência. Lamento que os presidentes anteriores só tenham adorado os americanos e tenham feito tudo o que eles diziam. Mas eu não sou assim, porque eu me lembro bem da história e sinto esta dor até agora”.

Segundo o chefe do Estado filipino, os políticos norte-americanos sempre criticam os governantes filipinos e sempre fazem isso apresentando condições: ou o país faz o que os EUA querem, ou eles vão cessar o seu apoio.

“Veja, os EUA não fazem parte do Tribunal Penal Internacional (TPI)! e esta pessoa me ameaça com perseguição judiciária! Deve ser, ele perdeu a razão!”, destacou. As relações entre os dois países se agravaram muito nos últimos meses, especialmente após Duterte ter exigido que os EUA parem de tratar as Filipinas como “um cão na trela”. Por sua parte, Washington critica Manila por seus métodos de luta contra os traficantes, inclusive por assassínios sem julgamento.

sputnik

navalbrasil

Nenhum comentário :

Postar um comentário