sábado, 25 de fevereiro de 2017

Rússia começa a preparar especialistas para complexos S-500


A Academia Militar de Defesa Aeroespacial Zhukov começou a formação de especialistas que irão operar com complexos inovadores de mísseis S-500, informou o diretor da academia, Vladimir Lyaporov.

Exibição do sistema de mísseis S-400 no território da unidade militar de mísseis do Distrito Militar do Sul em Teodósia, na Crimeia
O decano da academia, localizada na cidade russa de Tver, fez a declaração falando à emissora de rádio Ekho Moskvy.
"Estamos preparando os estudantes em 11 profissões militares, inclusive oficiais-especialistas na exploração de complexos inovadores de defesa antiaérea e DAM S-500," disse.
O chefe da academia explicou que no momento os futuros especialistas estão estudando as disciplinas gerais e, mais tarde, começarão a aperfeiçoar os conhecimentos e competências específicas.
Entre os futuros graduados há chefes de destacamentos militares para o sistema de defesa antimíssil, especialistas para centros de controle de defesa nacional e regional, oficiais-pesquisadores, especialistas em desenvolvimento e teste de medidas de defesa antiaérea.
De acordo com o divulgado na semana passada pelo vice-ministro da Defesa russo Yuri Borisov, o primeiro protótipo de S-500 deve estar pronto até 2020.
O sistema é uma nova geração de sistemas da defesa antimíssil tipo terra-ar, sendo um complexo único de longo alcance capaz de interceptar mísseis balísticos e atingir aviões, helicópteros e mísseis de cruzeiro.
O raio de alcance destes mísseis interceptores deverá alcançar 600 km, com capacidade de atingir simultaneamente até 10 alvos balísticos ultrassônicos que voem à velocidade até 7 km por segundo. As características dos S-500 deverão ultrapassar as dos S-400, que estão sendo usados no momento, e as do concorrente norte-americano Patriot Advanced Capability-3.
sputniknews

Nenhum comentário :

Postar um comentário