sexta-feira, 10 de março de 2017

Índia vai desenvolver caças de 5ª geração se Rússia oferecer tecnologia


Índia participará do desenvolvimento de bombardeiros de quinta geração FGFA (Fifth Generation Fighter Aircraft) com a Rússia, caso a tecnologia seja disponibilizada em Nova Deli, relata o The Times of India, citando fontes do ministério da Defesa indiano.
Su-30MKI


Em fevereiro, o vice-diretor do Serviço federal de Cooperação Técnico-Militar, Vladimir Drozhzhov, disse à Sputnik que a Rússia e a Índia assinaram um esboço de contrato de desenvolvimento conjunto de FGFA e a Rússia estaria pronta para fechar acordo.
Entretanto, The Times of India relatou que a decisão foi tomada "a nível mais alto" para evitar "os erros" causados durante a compra dos caças Sukhoi Su-30MKI, que não incluiu a transferência de tecnologias.
"Embora a maioria dos caças 272 Sukhoi, no âmbito do contrato com a Rússia, tenha sido fabricada pela construtora estatal indiana Hindustan Aeronautics Limited [HAL], os caças foram montados com kits importados. A HAL não é capaz de produzir Sukhoi independentemente", disse uma fonte ao The Times of India.
Segundo a mídia, Nova Deli gostaria de receber tecnologias que permitam modernizar os caças e facilitar o desenvolvimento do seu próprio projeto de FGFA, chamado Aeronaves Avançadas de Médio Alcance (AMCA, sigla em inglês).
O projeto FGFA faz parte da iniciativa Make in India (Produção na Índia), lançada pelo primeiro-ministro, Narendra Modi, em 2014. No projeto, o lado russo é representado pela fabricante de aeronaves Sukhoi e o lado indiano pela HAL.


Nenhum comentário :

Postar um comentário