sexta-feira, 10 de março de 2017

Por que 2 caças do porta-aviões Admiral Kuznetsov caíram no mar?


A causa da catástrofe envolvendo dois caças de convés no porta-aviões Admiral Kuznetsov, durante missão na Síria em 2016, teria sido a ruptura do cabo de desaceleração, os caças estavam em bom estado, disse à Sputnik uma fonte do complexo militar-industrial nesta sexta-feira (10).
Caças Su-33 e MiG-29K no convés do porta-aviões Admiral Kuznetsov no mar Mediterrâneo


Caças de convés MiG-29K e Su-33, em 14 de novembro e em 4 de dezembro, durante uma operação na Síria, devido à ruptura do cabo de desaceleração, deslizaram pelo convés do porta-aviões até caírem no mar.
"Na perda do MiG-29K, o cabo se rompeu devido ao fato de o avião ter pousado no convés em um ângulo crítico. A aterrissagem do Su-33 ocorreu normalmente, podendo-se afirmar de antemão a qualidade inferior do cabo. Mas em ambos os casos, não há reivindicação alguma quanto às aeronaves", disse a fonte.
Ao mesmo tempo, ele ressaltou que uma análise detalhada das causas da ruptura do cabo nas duas aterrissagens poderá ser feita somente depois de um completo estudo dos cabos de desaceleração na costa.

Nenhum comentário :

Postar um comentário