quarta-feira, 26 de abril de 2017

Combatentes rebeldes terroristas se rendem ao exército sírio em Latakia


De acordo com informações exclusivas obtidas pela Al-Masdar News, cerca de 50 insurgentes exaustos decidiram entregar as armas nas últimas 48 horas na região rural da Latakia e aceitar um decreto de amnistia assinado pelo presidente sírio, Bashar Al -Assad que lhes permite evitar acusações.



Sem o conhecimento de seus comandantes, cerca de 50 combatentes, em sua maioria das 1ª e 2ª Divisões Costeiras do Exército Sírio Livre (FSA), decidiram abandonar seu posto e levantar a bandeira branca depois que uma rendição foi acordada com um comandante local do Exército Árabe Sírio (SAA).

Além disso, surgiram relatos de que várias facções rebeldes que operam na província de Latakia se recusaram a participar em operações militares no norte de Hama, apesar das ordens dadas pela liderança jihadista em Idlib.

De acordo com uma fonte militar, os combatentes da FSA optaram por dissolver-se sobre a falta de tratamento médico, suprimentos e munições entregues às suas unidades. Além disso, um militante disse que seus comandantes mostraram negligência e incompetência no campo de batalha, perdendo muitas aldeias para a SAA no ano passado sem lutar.

almasdarnews

Nenhum comentário :

Postar um comentário