domingo, 30 de julho de 2017

Putin anuncia que Rússia vai cortar missão diplomática dos EUA em 755 pessoas


O presidente da Rússia, Vladimir Putin, informou neste domingo (30) que 755 diplomatas norte-americanos vão encerrar as suas atividades na Rússia.
Vladimir Putin, presidente da Rússia


"A equipe da missão diplomática dos EUA na Rússia será cortada em 755 pessoas e será como a missão diplomática russa na América — com 455 pessoas de cada lado", disse Putin em entrevista à mídia russa. 
Putin ressaltou que ele acredita que a redução é considerável, pois mais de mil funcionários norte-americanos que atualmente vivem e trabalham na Rússia terão que voltar para os Estados Unidos.
"Porque mais de mil funcionários — diplomatas e técnicos — trabalharam e ainda estão trabalhando na Rússia, e 755 deles terão que encerrar seu trabalho na Federação Russa. É considerável", acrescentou Putin.
No início desta semana, o Congresso dos EUA aprovou um projeto de lei sobre novas sanções contra o Irã, a Coreia do Norte e a Rússia.
As sanções, se adotadas, irão impor novas medidas restritivas à Rússia, em particular contra a indústria da energia, devido à alegada interferência de Moscou nas eleições presidenciais dos EUA de 2016 e nos assuntos internos da Ucrânia.

Nenhum comentário :

Postar um comentário