terça-feira, 4 de julho de 2017

'Rússia terá em breve armas sem análogo no mundo'


O especialista militar Aleksei Leonkov falou com a Sputnik sobre a VIII edição do Salão Naval Internacional (MVMS, na sigla em russo), realizada de 28 de junho a 2 de julho, na cidade russa de São Petersburgo.
Navio russo efetua lançamento de mísseis de cruzeiro "Muitas empresas do complexo militar-industrial já iniciaram a produção em massa de produtos novos. 


Não se trata apenas de modernização, como antes, mas de produção e sua posterior colocação em serviço de sistemas totalmente novos. A Rússia terá armas sem análogo em todo o mundo ", afirmou o especialista.

De acordo com Leonkov, as empresas russas apresentaram vários produtos novos em São Petersburgo. Em particular, destacou os novos motores navais M90FR e M70EFU fabricados pela Corporação Unificada de Construção de Motores (ODK, na sigla em russo), os quais serão instalados já em 2018 em várias embarcações da Marinha da Rússia.


O especialista frisou que os sistemas de defesa antiaérea Tor e Pantsir geraram grande interesse dos visitantes do MVMS.

Além disso, Leonkov destacou a importância da recente declaração do comandante adjunto da Marinha russa, Viktor Bursuk, de que a Frota do país planeja incorporar dois porta-helicópteros universais antes de 2025, que devem ultrapassar os navios franceses Mistral. O especialista acredita que, talvez por isso, o modelo e o projeto de porta-helicópteros Priboi receberam atenção especial no Salão Naval.
O especialista comentou, também, o desenvolvimento dos submarinos atômicos de quinta geração do projeto Khasky.
"O lançamento desse submarino está previsto para ser realizado depois de 2025. O submersível contará com armamento universal, compatível com sistemas de mísseis antinavio, bem como sistemas de mísseis balísticos", acrescentou especialista para serviço russo da Rádio Sputnik.
O MVMS é considerado o evento mais importante na área naval na Rússia. Sua oitava edição contou com a participação de 400 empresas de 29 países do mundo, e foi assistida por mais de 100.000 visitantes.

Nenhum comentário :

Postar um comentário