sexta-feira, 6 de julho de 2018

Ainda mais poderoso e potente: tanque russo Armata T-14 receberá novíssimo sistema ótico


Está previsto instalar ainda este ano um novo sistema ótico-eletrônico no tanque Armata, o que permitirá à tripulação do veículo blindado detectar e identificar alvos, informou Sergei Popov, vice-diretor geral do consórcio Shvabe.
Tanque T-14 Armata durante ensaios da Parada de Vitória em Moscou (foto de arquivo)


"Estamos desenvolvendo sistemas avançados para os veículos blindados, especialmente para o tanque Armata. Eles funcionam de forma um pouco diferente de seus antecessores — permitem simultaneamente tanto ao comandante como ao atirador não apenas observar, mas também detectar, identificar e acompanhar o alvo. Os desenvolvimentos e pesquisas deste projeto estão praticamente encerrados e neste ano passaremos para a produção em série", disse.

Ele salientou que esse complexo terá componentes exclusivamente fabricados na Rússia.
O tanque T-14 Armata é um carro de combate de terceira geração, único no mundo do pós-guerra e de produção completamente russa. Ele é desenvolvido na base da plataforma universal de nova geração Armata, na qual é possível fabricar tanques, veículos pesados de infantaria, veículos blindados de transporte de pessoal, veículos de apoio a tanques, de reconhecimento e comando. 

Segundo o Ministério da Defesa da Rússia, as principais características de combate do Armata são o alto grau de blindagem passiva e ativa, que supera qualquer outro tipo de veículo blindado, bem como a alta mobilidade e poder de fogo.

Além disso, o Armata tem um esquema inovador de disposição separada da tripulação, das munições e do combustível, sendo os armamentos controlados remotamente. Esses desenvolvimentos permitem aumentar significativamente a sobrevivência do tanque no campo de batalha. O tanque é também equipado com um canhão de 125 milímetros de nova geração, com sistema digital de controle de fogo. 

O consórcio Shvabe congrega as principais empresas científicas, de produção e de marketing da indústria optoeletrônica da Rússia. Integra mais de 60 empresas, incluindo institutos de pesquisa.

sputniknews



Nenhum comentário :

Postar um comentário