sábado, 10 de fevereiro de 2018

Já sabemos como os OVNIs funcionam, diz homem que ajudou a divulgar vídeos reais do fenômeno


Luis Elizondo costumava gerenciar o Programa de Identificação de Ameaças Avançadas (sigla AATIP, em inglês), do Pentágono, que investigava os discos voadores.
Já sabemos como os OVNIs funcionam

Este programa inovador, que tinha um orçamento de US $ 22 milhões atribuído anualmente pelo Departamento de Defesa, foi executado a partir do quinto andar do Anel C do Pentágono, em Washington DC.

O ex-senador democrata Harry Reid forçou sua criação em 2007, com análise do que foi levantado realizada pela Bigelow Aerospace of Nevada.
Os pilotos da Marinha dos EUA observaram uma ‘esquadrilha inteira’ de OVNIs que estavam ‘indo contra’ um vento de 120 nós – em um caso AATIP de 2015.
Sensores avançados revelaram que o objeto desconhecido não tinha sistema de propulsão…
Agora, Elizondo se abriu a respeito do que ele afirma ter aprendido através do programa do Pentágono sobre as capacidades aparentemente de fora deste mundo dos OVNIs.
Ele disse:
Acho que chegamos muito perto de entender a física de como isso funciona, e isso é muito emocionante.
Pela primeira vez, temos uma imagem convincente de que o que estamos vendo é explicado em nossa compreensão atual da física, da física avançada e da mecânica quântica.
(Para quem ainda não sabe:) Imagens incríveis surgiram no ano passado de um avistamento envolvendo o navio de batalha USS Nimitz em 2004 no Pacífico, ao largo da costa de San Diego, nos EUA.
Dois pilotos da Marinha dos EUA, o Comandante David Fravor e o Tenente Comandante Jim Slaight, assistiram com espanto quando um objeto apareceu repentinamente a 80.000 pés (24.000 metros), antes de se precipitar em direção ao mar e parar a 6.000 pés.
Quando se aproximaram para olhar mais de perto, o objeto de 12 metros de comprimento “acelerou como nada que eu já vi”, disse o Comandante Fravor.
E agora Elizondo acredita que eles podem ter uma explicação sobre como OVNIs conseguem velocidades tão extremas.
Ele disse:
Acreditamos em todos esses observáveis ​​que vimos, aceleração repentina e extrema, velocidades hipersônicas, baixa observabilidade, viagens entre diferentes ambientes e, por último, mas não menos importante, elevação positiva, anti-gravidade – é realmente a manifestação de uma tecnologia única.
Então, não são cinco tecnologias exóticas que estamos tentando descobrir, é uma. E pensamos que conhecemos essa também.
Os cientistas empregados pela Bigelow Aerospace, inclusive um físico chamado Dr. Hal Puthoff, chegaram à conclusão de que a nave pode efetivamente criar sua própria bolha espaço-tempo, o que lhes permite voar a velocidades tão incríveis.
Elizondo ainda disse:
Acreditamos que isso tem a ver com uma grande quantidade de energia e a capacidade de distorcer espaço-tempo, não por muito, mas por pouco.
Enquanto o governo dos EUA disse que o AATIP foi encerrado em 2012, Elizondo afirmou que ele trabalhou no projeto altamente sensível até outubro do ano passado, até que ele renunciou por “secretismo excessivo e oposição interna”.
Ele acredita que a existência de extraterrestres seria “sem sobra de dúvida”, se alguma vez for discutido em tribunal.
O Dr. Michio Kaku – O equivalente estadunidense ao Stephen Hawking – disse que o objeto estranho que os militares dos EUA relataram ter visto perseguir alguns dos seus aviões de guerra poderia ser um novo tipo de aeronave super-rápida.
O cientista disse:
Estariam os OVNIs perseguindo nossos caças a jato, como sugerem documentos secretos recentes?
Talvez sejam drones hipersônicos experimentais. Ou talvez alienígenas do espaço exterior? Eu mantenho uma mente aberta.

Nenhum comentário :

Postar um comentário