sábado, 7 de julho de 2018

Cientista da NASA diz que o governo está encobrindo a verdade sobre alienígenas


Um cientista e professor de física da NASA afirma que o governo dos EUA sabe que existem alienígenas e está encobrindo a verdade ativamente.
Kevin Knuth, que agora é professor de física na Universidade de Albany, afirma que há "muitas evidências" para apoiar a existência de OVNIs em nosso universo.

Em 28 de junho, o professor Kevin Knuth publicou um artigo pedindo que a NASA e a comunidade científica examinassem minuciosamente evidências de OVNIs na Terra e forçassem os governos a divulgar a verdade. O artigo foi publicado apenas alguns dias antes de 2 de julho, que é o Dia Mundial da OVNI .

Escrevendo para The Conversation , o cientista da NASA disse: 'Acredito que precisamos encarar a possibilidade de que alguns dos estranhos objetos voadores que superam as melhores aeronaves em nosso inventário e desafiam as explicações possam de fato ser visitantes de longe - e há muitas evidências para apoiar avistamentos de OVNIs.

Knuth acredita que falar sobre OVNIs é tabu, o que impediu qualquer estudo científico apropriado sobre o assunto e culpa os governos e a mídia pelo ceticismo que envolve o estudo extraterrestial.

Ele acrescenta: “Essencialmente, nos é dito que o tópico é um absurdo. Os OVNIs estão fora dos limites de um estudo científico sério e de discussões racionais, que infelizmente deixam o tópico no domínio de marginais e pseudocientistas, muitos dos quais contaminam o campo com teorias conspiratórias e especulação selvagem.

Documento desclassificado descrevendo o avistamento de um OVNI em dezembro de 1977, na Bahia, um estado no norte do Brasil (Foto: Arquivo Nacional AcervoArquivo Nacional)

Jatos se aproximam de um objeto não identificado (Foto: Parzival191919 / Wikipedia)
Relatórios do metrô :

Brasil, Canadá, Dinamarca, Equador, França, Nova Zelândia, Suécia, Rússia e Reino Unido vêm desclassificando arquivos de OVNIs na última década, e Knuth diz que avistamentos de OVNIs de oficiais do governo emprestam legitimidade às alegações.

Um documento extraterrestre extraterrestre USAF UFO Top Secret de 1948 (Foto: Força Aérea dos EUA Força Aérea dos EUA).


Aponta para o Comité de Estudos de Fenómenos Aéreos Anômalos (CEFA), formado pelo governo chileno, e pelo Comitê Francês de Estudos de Fenómenos Aéreos Anômalos (CEFA), constituído por cientistas e oficiais militares, como organizações que evidenciam a existência de alienígenas.

Knuth também discute o "Paradoxo de Fermi" - a questão de por que nunca ouvimos falar de outras civilizações, apesar da vastidão do espaço, quase garantindo a existência da vida extraterrestre.

Ele disse que é altamente provável que os alienígenas sejam reais e que um grande número dos 300 bilhões de estrelas em nossa galáxia seja capaz de hospedar planetas hospitaleiros.

"O problema é que não houve um único encontro de OVNIs bem documentado que pudesse ser qualificado como a arma fumegante", disse ele.

"A situação é exacerbada pelo fato de muitos governos em todo o mundo terem encoberto e classificado informações sobre esses encontros."

Ele argumenta que o conhecimento científico e baseado em evidências sobre o tema beneficiaria muito a humanidade, já que poderia desenvolver tecnologia e conhecimento e nos ajudar a entender nosso lugar no universo.


semprequestione

Nenhum comentário :

Postar um comentário