domingo, 16 de julho de 2017

Batalha pelo leste de Damasco prova ser a luta mais sangrenta na Síria


BEIRUT, LÍBANO (12:30) - Durante as últimas três semanas, o exército árabe sírio (SAA) e os rebeldes islâmicos terroristas da Faylaq Al-Rahman estiveram envolvidos em uma batalha feroz pelos subúrbios de Damasco a leste de Jobar e Ayn Tarma.



A batalha pelo leste de Damasco tornou-se um banho de sangue para todas as partes envolvidas nesta luta nos arredores da capital da Síria.

Apesar de possuir uma força aérea e um armamento avançado, o exército árabe sírio não tem a vantagem neste campo de batalha, já que a multidão de atiradores e túneis da Faylaq Al-Rahman forçam as unidades governamentais a atacar cautelosamente.

No entanto, apesar da desvantagem no campo de batalha, a 105ª Brigada da Guarda Republicana do Exército Árabe da Síria é endurecida na batalha neste meio ambiente.

Nas próximas semanas, espera-se que a batalha pelo leste de Damasco se intensifique à medida que os batalhões das forças de Elite Ghiath do Exército Árabe da Síria (42ª Brigada) descem sobre 'Ayn Tarma e Jobar para ajudar seus companheiros da 105ª Brigada.

almasdarnews

Nenhum comentário :

Postar um comentário